PASSEANDO POR FERNANDO DE NORONHA

0
40

pousada-da-villa1

Destino: Fernando de Noronha

Américo Vespúcio tinha razão. Fernando de Noronha é mesmo um paraíso. Foi essa a impressão do navegador italiano logo no primeiro contato com o arquipélago brasileiro. Conta a história, na versão considerada oficial sobre o descobrimento da ilha, que as primeiras palavras de Vespúcio ao aportar na região, em 1503, foram: “O paraíso é aqui”. De fato, motivos não lhe faltavam. Noronha é um lugar repleto de lindas paisagens e cheio de atrações.

1329150799_DSC_0162

Noronha se gaba por ser considerada pela Unesco um Patrimônio Mundial Natural desde 2001. São 21 ilhas e ilhotas somando ao todo 26 km² de terras cravadas no meio do oceano Atlântico, distantes a 545 km de Recife, capital do Estado de Pernambuco, e a 360 km de Natal, capital do Rio Grande do Norte.

cancunflickrdolphindiscovery

Não existe exatamente uma temporada certa para se visitar o arquipélago. Embora o verão brasileiro seja de dezembro a março, o calor predomina durante o ano inteiro na região. A temperatura média é de 28ºC.

 De qualquer forma, as pousadas locais consideram como baixa temporada os meses que vão de março a junho, por conta da elevação dos níveis de chuva. Ainda assim, é possível encontrar um benefício nos tempos de maior precipitação. Para os amantes de cachoeiras, é justamente nesse período que se formam as quedas d’água da ilha. Um capricho extra para um lugar já tão abençoado pelo mar.

tumblr_mwp87fbghX1t38eq1o1_1280

Aliás, é justamente no oceano que estão as maiores riquezas do arquipélago. Com águas em torno dos 28ºC, o mar local agrada surfistas, mergulhadores e admiradores de uma fauna repleta de tubarões e golfinhos. Pode parecer contraditório dizer que surfistas,

fernando-de-noronha-ilhatur-580-G

mergulhadores e tubarões convivem harmoniosamente no mesmo espaço, mas é exatamente isso o que acontece. Ataques por ali são inexistentes. Esses fatores fazem de Fernando de Noronha um dos melhores lugares para prática de mergulho no Brasil. Não bastasse toda a vida marinha existente por lá, ainda é possível visitar navios naufragados próximos ao litoral – inclusive com opção de mergulho noturno.

As condições de surf também não decepcionam. No entanto, existe um período certo para isso. É de dezembro a março que as ondas chegam com mais intensidade na costa da ilha, principalmente na parte que fica voltada para o hemisfério Norte. A qualidade das ondas nessa área fez com que a praia Cacimba do Padre passasse a fazer parte do calendário do World Qualifying Series (WQS), a divisão de acesso para o principal campeonato mundial de surf.

noronha4